Pensamentos sobre Nossa Identidade — 1ª Parte

MARIA FONTAINE

Qual é nossa identidade em Cristo?

Muitos palestrantes e escritores cristãos discutem a “identidade em Cristo”. Há várias opiniões sobre o que seria nossa identidade em Jesus. A maioria parece concluir que a identidade espiritual é tudo que nos é prometido quando O recebemos.

Contudo, como não podemos realisticamente nos apropriar de cada uma dessas promessas no presente, essa resposta não basta para a pergunta: “Qual é minha identidade em Cristo aqui e agora?” Muitas dessas promessas, por exemplo, dizem respeito ao céu e à eternidade.

Para entendermos mais facilmente o que é nossa identidade em Cristo, aqui e agora, vejamos o que constitui a identidade humana. Identificamos uns aos outros por nossas características físicas ou nossos nomes, culturas, trabalhos, idades ou status social. Também somos conhecidos pela nossa personalidade, atitudes, esperanças e aspirações. Esses elementos contribuem para definir quem somos enquanto indivíduos em um determinado momento. Contudo, conforme crescemos, aprendemos e expandimos nossa vivência, mudam os aspectos da identidade. Não é algo que permanece o mesmo.

A identidade humana está em constante desenvolvimento e expansão. Nossa identidade de ontem ou de hoje pode não ser a mesma no futuro. A Fernanda de Souza, por exemplo, hoje solteira, poderá se tornar amanhã Fernanda de Souza Marques, casada. Aquele que atualmente é dono do seu próprio negócio hoje pode ter sido um executivo contratado para dirigir uma empresa no passado. A aparência de uma pessoa muda conforme ela cresce e envelhece.

Acredito que essa outra parte fundamental de quem somos — nossa identidade em Cristo — se desenvolve, em grande parte, da mesma forma que nossa identidade humana. Em outras palavras, nunca é estática, mas está constantemente mudando. Com o tempo, podemos desenvolver mais nosso potencial disponível em Jesus, assim como é possível fazer com os recursos genéticos que possuímos em nossos corpos.

Nossa identidade em Cristo continua a amadurecer e crescer em toda a nossa vida na terra e até mesmo para a eternidade. Conforme aprendemos sobre quem somos e quem podemos nos tornar por meio de nossa relação com Deus, nossas qualidades de crentes se tornam cada vez mais visíveis em nossas vidas diárias. Essa é a nossa identidade em Jesus.

Sua identidade humana e sua identidade em Jesus são obras em andamento, e juntas formam a criação única de Deus que é você. Você tem o privilégio de escolher reformular e aperfeiçoar quem você é e quem vai se tornar.

Eu gostaria de oferecer para a sua consideração os seguintes pensamentos e descrições relacionadas com a nossa identidade em Cristo e como ela pode se desenvolver. Não estão em uma ordem específica, mas espero que ajudem a esclarecer esse tópico.

  1. Sou um embaixador de Cristo. “De sorte que somos embaixadores da parte de Cristo, como se Deus por nós rogasse. Rogamos-vos da parte de Cristo, que vos reconcilieis com Deus.” — 2 Coríntios 5:20
  2. Posso ser uma luz para os outros. “Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus.” — Mateus 5:16
  3. Sou autorizado por Deus a fazer discípulos de todas as nações. “Chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no céu e na terra. Portanto, ide e fazei discípulos de todos os povos, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado. E certamente estou convosco todos os dias, até à consumação do século.’” — Mateus 28:18–20
  4. Tenho uma missão importantíssima que me foi dada por Jesus. “Assim como Tu Me enviaste ao mundo, também Eu os enviei ao mundo.” — João 17:18
  5. Sou escolhido e muito amado por Deus. “Sabemos, irmãos, amados de Deus, que Ele os escolheu.” — 1 Tessalonicenses 1:4 NVI
  6. Sou colega de trabalho de Deus. “Portanto, nós, como companheiros de trabalho no serviço de Deus, pedimos o seguinte: não deixem que fique sem proveito a graça de Deus, a qual vocês receberam.” — 2 Coríntios 6:1 NTLH
  7. Posso animar os outros com respeito ao futuro glorioso que Deus tem para nós. “Então nós, os que estivermos vivos, seremos levados nas nuvens, junto com eles, para nos encontrarmos com o Senhor no ar. E assim ficaremos para sempre com o Senhor. Portanto, animem uns aos outros com essas palavras.” — 1 Tessalonicenses 4:17–18 NTLH
  8. Estou livre para sempre da condenação. “Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus.” — Romanos 8:1 NVI
  9. Estou perdoado. “Nele temos a redenção por meio de seu sangue, o perdão dos pecados, de acordo com as riquezas da graça de Deus, a qual Ele derramou sobre nós com toda a sabedoria e entendimento.” — Efésios 1:7–8 NVI
  10. Com Jesus, sou capaz de enfrentar e superar tudo em minha vida. “Posso todas as coisas nAquele que me fortalece. — Filipenses 4:13
  11. Jesus é meu amigo. “Já não vos chamo de servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor. Antes, tenho-vos chamado amigos, pois tudo o que ouvi de meu Pai vos tenho dado a conhecer.” — João 15:15
  12. Sou filho adotivo de Deus. “Porque todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são filhos de Deus. Pois vocês não receberam um espírito que os escravize para novamente temerem, mas receberam o Espírito que os torna filhos por adoção, por meio do qual clamamos: ‘Aba, Pai.’” — Romanos 8:14–15 NVI
  13. Sou a noiva de Cristo. “Assim, meus irmãos, também vós estais mortos para a lei pelo corpo de Cristo, para que sejais de outro, daquele que ressurgiu dentre os mortos, a fim de darmos fruto para Deus.” — Romanos 7:4
  14. Tenho a mente de Cristo. “Pois quem conheceu a mente do Senhor, para que o possa instruir? Mas nós temos a mente de Cristo.” — 1 Coríntios 2:16
  15. Sou livre dos vícios. “[O Pai] nos tirou do poder das trevas, e nos transportou para o reino do Filho do Seu amor.” — Colossenses 1:13
  16. Posso ter a cura e o perdão de Deus. “Está alguém entre vós doente? Chame os presbíteros da igreja, e orem sobre ele, ungindo-o com óleo em nome do Senhor. E a oração da fé salvará o doente; o Senhor o levantará. Se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados.” — Tiago 5:14–15
  17. Sou cidadão do Céu. “Assim já não sois estrangeiros, nem forasteiros, mas concidadãos dos santos, e da família de Deus.” — Efésios 2:19 “A nossa cidadania, porém, está nos céus, de onde esperamos ansiosamente o Salvador, o Senhor Jesus Cristo.” — Filipenses 3:20 NVI
  18. Nunca estou só. “Não te deixarei, nem te desampararei.” — Hebreus 13:5
  19. Foi-me concedido o nobre privilégio de, pela oração, recorrer ao poder de Deus em favor dos outros. “Em primeiro lugar peço que sejam feita orações, pedidos, súplicas e ações de graças a Deus em favor de todas as pessoas. Orem pelos reis e por todos os outros que têm autoridade, para que possamos viver uma vida calma e pacífica, com dedicação a Deus e respeito aos outros. Isso é bom, e Deus, o nosso Salvador, gosta disso. Ele quer que todos sejam salvos e venham a conhecer a verdade.” — 1 Timóteo 2:1–4 NTLH

Quanto mais nos apropriamos do que Jesus nos disse que podemos ser e fazer, por sermos Seus filhos, mais refletiremos Seu Espírito. É assim que podemos desenvolver e expandir nossa identidade em Jesus. Conforme você estudar e memorizar as promessas de Deus na Bíblia e se apropriar delas, vão se desenvolver em você as qualidades que compõem a sua identidade em Cristo.

Por exemplo, se você se sente um prisioneiro da culpa e sente que jamais se libertará dos erros do passado, pode encontrar liberdade ao saber que Jesus disse que a condenação deixa de existir quando você se torna dEle.1 Se você acha que os seus temores o prendem, pode afirmar com toda a fé que as coisas mudarão porque você nEle confia: “No dia em que eu temer, hei de confiar em Ti.”2

Se suas circunstâncias o fizerem se sentir pequeno, insignificante ou sem valor, pode declarar com toda segurança: “Deus diz que sou obra de Suas mãos, Sua obra-prima; portanto, sei que sou importante para Ele.”3 Quando sentir que nada tem a oferecer, lembre-se de que é um filho de Deus e que Ele diz que lhe deu o mais importante trabalho que existe, pois é Seu embaixador ou Sua embaixadora.4

Se sentir ansiedade ou estresse, confuso ou preocupado, não fique parado e infeliz. Leve o que Ele diz a sério: “Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou.”5 É algo real que está a seu dispor, se você tão somente escolher aceitá-lo.

Lembre-se de que o que conta é a opinião de Deus. Você pode escolher aceitá-la e viver vitoriosamente! Aceite o que Deus diz a seu respeito, concorde que é verdade o que Ele diz a seu respeito e torne-se a pessoa que você pode ser.

Se quiser mais artigos de Maria Fontaine, visite o Espaço dos Diretores.


Notas de rodapé
  1. Romanos 8:1.
  2. Salmo 56:3.
  3. Efésios 2:10.
  4. 2 Coríntios 5:20.
  5. João 14:27.